Pular para o conteúdo principal

O que é Geografia?

Post publicado no Facebook pela Professora Maria Adélia de Souza que aqui reproduzimos.

Ando preocupadíssima com o que andam escrevendo, conferenciando e dando entrevistas sobre a Geografia!!! 
Muito preocupante! 
Nossa disciplina tem uma historia riquíssima, mas precisa evoluir com o mundo, com a divisão do trabalho acadêmico e cientifico, com a filosofia da ciência, com a filosofia em geral, com a epistemologia.
Que tal começarmos a debater com rigor sobre isso, antes que acabem de uma vez com essa disciplina, das mais importantes para conhecer a sociedade contemporânea!!!
Como ciência humana e social que é ela tem um objeto de estudo. Precisa ter!!!! Toda ciência tem UM e somente UM objeto de estudo. O nosso é o ESPAÇO GEOGRÁFICO!!!! 
Qual a dificuldade em discutir sobre isso e deixarem de acabar com a nossa disciplina diante de tamanho despreparo, desconhecimento sobre o que seja essa magnífica ciência do espaço humano, da existência humana sobre a superfície da terra, daí decorre seu método de conhecimento!!!!???
Uns dizem que a Geografia é a ciência da localização (Jorge Xavier, nosso colega do Rio de Janeiro em publicação no Globo, 08/03/17)! 
Outros falando da "Geografia Cultural" - nosso colega dando a aula inaugural do curso de mestrado Estudos de Cultura e Território, em Araguaína, TO, (ah! a geografia é unica e não se adjetiva, nem mesmo de humana... como ainda precisamos fazer para que nos compreendam!!!), alega que essa geografia é uma "tendência"...! Tendência???? 
Comento essas informações, pois estão nas redes sociais, aliás aqui no Face!!! Correm mundo!!!
Gostaria de lançar esses debates para que estes colegas nominados e outros tantos pudéssemos talvez organizar uma reunião para aprofundar a questão do método e do que seja a geografia hoje!!!
Gostaria de lançar esses debates para que estes colegas nominados e outros tantos, juntos, pudéssemos talvez organizar uma reunião para aprofundar a questão do método e do que seja a geografia hoje!!!
Como está... fica difícil prosseguir! Estamos sendo liquidados por essa falta de densidade epistemológica, conhecimento disciplinar e discursos antigos e ocos, que temos exibido aqui e ali!
Perguntem aos nossos alunos!
A questão não é de briga pessoal, mas de aprimoramento do conhecimento!
Não se trata, como dizem muitos, segundo fico sabendo, de defender apenas a Geografia que pratico e que como todos sabem, prossigo nos caminhos iniciado por meu grande amigo e mestre Milton Santos. Trata-se de fazer uma geografia séria, profunda, competente, mas sem travestimentos, pois não conseguiremos sem método claro e objetivo dar conta, descrevendo as partes de um todo, cada um de um modo, com um método!
Não conseguiremos lidar com o espaço geográfico - sim com ele e somente ele - travestindo-nos de sociólogos, cientistas políticos, economistas... lidando com a dinâmica dos setores "localizados" no espaço geográfico - é disso que equivocadamente Jorge Xavier trata em seu artigo bem escrito... 
Mas, caríssimas e caríssimos: A GEOGRAFIA CUIDA DO ESPAÇO GEOGRÁFICO, NÃO DO ESTADO, DO URBANISMO, DA GEOMORFOLOGIA, DA CLIMATOLOGIA, DA BIOGEOGRAFIA, DA RENDA DA TERRA, DO LATIFÚNDIO OU SEJA LÁ O QUE FOR!
É AI QUE MORA O PROBLEMA!!!
O mundo mudou e o positivismo insiste em nos influenciar!!!
E, curiosamente, na geografia brasileira, há grupos organizados que giram em torno de grupos lideres de "geografias" (e tem um monte: urbana, industria, energia, população, turismo e toda novidade que as metáforas, discursos e oportunismos intelectuais são capazes de criar e propor em universidades frágeis) como localização", ou outro "Geografia Cultural", o outro "geomorfologia", o outro climatologia, o outro lefebvriano e, assim por diante!
Aqui vai uma provocação ainda maior!!!
É partido politico para ter tendencias, ou clube de futebol - GEOGRAFIA FUTEBOL CLUBE, para agir como torcidas organizadas, em grupos!!! E que detem o poder!!!!
O mundo está complicado demais para não levarmos nossa profissão e nossa escolha disciplinar a sério!!!
A Geografia não é mais uma disciplina dos "conhecimentos gerais" e não conseguirá descrever paisagens e disputar espaço com as imagens do google, os GPS, os SIGs (que não é geografia como muitos pensam), das câmeras fotográficas e de vídeo...
E, já sabemos por ensinamentos de outras disciplinas que a soma das partes não dá o todo, pois este constitui a micro, micro, micro matéria!!!
Por isso o espaço geográfico, espaço da existência humana precisa ser considerado o objeto da geografia uma TOTALIDADE EM MOVIMENTO. E, se não for, discutamos ou apresentem outra proposta!!! Mas não sejamos incompetentes, generalistas, apenas militantes ou levianos!
Desculpem-me colegas, mas ando preocupadíssima...
Estou no final da vida e já terminei minha carreira... logo sou uma ameaça com data marcada...Não se preocupem!
Faço apenas um alerta geral, com meu estilo e modo de ser que muitos conhecem!!!
Não sejamos levianos - alias um alerta aos anti-miltonianos sem sequer conhecer sua obra - não sejamos levianos, por favor!!!
Mas o apelo que faço é de seriedade e ético!!!!
Loucura o que tenho ouvido, visto e assistido!!!
Vergonha!
Ou estarei equivocada e ficando gagá! Pois, corajosa sempre fui!!!

POR FAVOR!!! PENSEMOS JUNTOS!!!
Não é luta livre, mas debate de ideias que temos obrigação de fazer.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mapas mundi para usos múltiplos

Os trabalhos com mapas nas aulas de geografia são bastante importantes e a cartografia é uma linguagem já consolidada no auxílio das explicações geográficas, climatológicas e geológicas realizadas nas mais variadas situações didáticas. Neste post disponibilizo alguns mapa mundi com que o professor de geografia pode utilizar nas mais variadas situações de aprendizagens. O primeiro mapa é o mapa mundi político em preto e branco com possibilidades de usos diversos, como por exemplo, divisão em continentes, países centrais e periféricos, etc. O segundo mapa mundi possui tema específico para se trabalhar as coordenadas geográficas, sendo possível elaborar jogos para melhor compreensão desse contúdo e, por fim, o terceiro mapa mundi trata-se de um mapa mudo onde é possível trabalhar vários temas de acordo com o conteúdo selecionado. Este é um mapa que pode ser aberto em um editor de imagem (como o Paint do Windows) para preencher cada país com a cor que desejar. Caso você te

Proposta estabelece estratégia nacional para retorno às aulas

As diretrizes nacionais, definidas em acordo por todos os entes, servirão de referência para os protocolos de estados e municípios para o retorno às aulas. O Projeto de Lei 2949/20 estabelece uma estratégia nacional para retorno às aulas durante a pandemia de Covid-19. A proposta, do deputado Idilvan Alencar (PDT-CE), tramita na Câmara dos Deputados. Pelo texto, União, estados e municípios devem organizar colaborativamente o retorno às atividades escolares, interrompidas com o Decreto Legislativo 6/20 que reconheceu a calamidade pública por causa da pandemia. A estratégia será definida por princípios, diretrizes e protocolos, respeitadas as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das autoridades sanitárias brasileiras. As diretrizes nacionais, acordadas por todos os entes, servirão de referência para os protocolos de estados e municípios para o retorno às aulas. Elas deverão seguir princípios como atenção à saúde física e mental de profissionais de educação e estudantes; pr

Os cinco maiores países do mundo

Rússia, Canadá, China, Estados Unidos e Brasil são os cinco maiores países do mundo em extensão territorial. A semelhança fica somente no quesito tamanho do território, quando olhamos para alguns dados populacionais as diferenças podem ser bastantes significativas. Veja os dados populacionais de cada um desses gigantes territoriais. População da Rússia Densidade demográfica 8,8 hab/km² Homens 66.644.047 habitantes Mulheres 76.812.871 habitantes População residente em área rural 26,08 % População residente em área urbana 73,92 % População total 143.456.918 habitantes Taxa bruta de mortalidade 15 por mil Taxa bruta de natalidade 12 por mil Taxa média anual do crescimento da população 0,042 % População do Canadá Densidade demográfica 4 hab/km² Homens 17.826.268 habitantes Mulheres 18.113.659 habitantes População residente em área rural 18,35 % População residente em área urbana 81,65 % População total 35.939.927 habitantes Taxa bruta de mortalidade 8 por mil Taxa