Pular para o conteúdo principal

Porque planeta se chama planeta?


Planetas
Imagem: Pixabay

Os gregos denominaram a Terra e alguns outros astros de planetas porque eles notaram que esses astros se movimentavam, ao contrário das estrelas que, aparentemente, eram fixas no céu. Eis porque a palavra planeta quer dizer “viajante” ou “astro errante”;

Esses astros não apresentavam o mesmo brilho das estrelas, pois os planetas não têm luz própria, apenas refletem a luz do Sol.

Os gregos antigos identificaram alguns planetas. Depois, foram descobertos outros que giram em torno do Sol. Por isso, eles são identificados como pertencentes ao Sistema Solar. Para conhecer melhor o Sistema Solar é preciso examinar alguns aspectos de sua organização.

As distâncias entre os corpos celestes

Os planetas vizinhos ficam perto ou longe? Para se ter uma ideia, Vênus, o planeta mais próximo, localiza-se a cerca de 41 milhões de quilômetros da Terra. Como então observar e obter informações sobre corpos celestes tão distantes? Como reunimos hoje os conhecimentos sobre os astros, o Sistema Solar e os planetas vizinhos? Para levar o olho humano tão longe, nas últimas décadas os seres humanos criaram missões tripuladas, como as que pousaram na Lua, estações orbitais, telescópios e sondas espaciais. Estas últimas são naves espaciais não tripuladas que viajam equipadas com aparelhos fotográficos e de transmissão de dados. Sondas, como a Pioneer e a Voyager 1 e 2, por exemplo, viajaram durante anos pelo espaço e fizeram imagens de vários planetas do Sistema Solar.

Com um colega, pesquise sobre um desses instrumentos, tecnologias e missões espaciais, tripuladas ou não, e suas descobertas. Colete e selecione imagens e organize um painel ilustrativo sobre o assunto.

Sobre o Sistema Solar, observe o esquema a seguir.

Sobre o Sistema Solar é bom saber que

• tendo o Sol como referência, a ordem de localização dos oito planetas, do mais próximo ao mais distante do Sol, é a seguinte: 1. Mercúrio, 2. Vênus, 3. Terra, 4. Marte, 5. Júpiter, 6. Saturno, 7. Urano e 8. Netuno. Plutão, atualmente reclassificado como planeta anão, também aparece na ilustração; 
• entre esses oito planetas há dois grupos bem distintos:

1. Planetas terrestres, formados pelos quatro mais próximos do Sol: Mercúrio, Vênus, Terra e Marte. Por isso, também conhecidos como planetas interiores. São chamados de terrestres porque têm uma superfície compacta e rochosa tal como a Terra.

2. Planetas jupiterianos, ou planetas exteriores, mais distantes do Sol: Júpiter, Saturno, Urano e Netuno. São chamados assim porque, além de muito grandes, são constituídos por massas de gás, como Júpiter, o maior planeta do Sistema Solar.

• o maior de todos os planetas é Júpiter. Se fosse oco, ele comportaria mais de mil Terras em seu interior. Apesar de ser um planeta gasoso, não está descartada a possibilidade de que haja matéria sólida em seu núcleo mais profundo; • três dos planetas terrestres – Vênus, Terra e Marte –, apesar de sólidos, apresentam ao seu redor uma camada gasosa muito volumosa, denominada atmosfera. Já Mercúrio praticamente não tem atmosfera. Por isso, apesar de ser o planeta mais próximo do Sol, não é o mais quente. Vênus, o segundo mais próximo do Sol, é o mais quente.


A Lua

De todos os astros do Sistema Solar a Lua é o satélite natural mais próximo da Terra, como podemos perceber quase todas as noites. A distância que separa a Lua da Terra é de 384 mil km. Essa longa distância, no entanto, não foi obstáculo para que o homem chegasse até ela. A Lua é o único astro que o homem já visitou. Ao contrário da Terra, na Lua não há uma massa de gases em sua volta (não há atmosfera). Portanto, não há ar.
(Fonte texto: Geografia: um olhar sobre o planeta Terra, 6º ano / Fernanda Padovesi Fonseca... [et al.]. - 1. ed. -- São Paulo: Editora AJS, 2012).

SALA DE AULA

Pesquise sobre outros astros do Sistema Solar. Manifeste suas descobertas nos comentários deste post.

Você tem alguma curiosidade? Deixe sua pergunta nos comentários deste post.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mapas mundi para usos múltiplos

Os trabalhos com mapas nas aulas de geografia são bastante importantes e a cartografia é uma linguagem já consolidada no auxílio das explicações geográficas, climatológicas e geológicas realizadas nas mais variadas situações didáticas. Neste post disponibilizo alguns mapa mundi com que o professor de geografia pode utilizar nas mais variadas situações de aprendizagens. O primeiro mapa é o mapa mundi político em preto e branco com possibilidades de usos diversos, como por exemplo, divisão em continentes, países centrais e periféricos, etc. O segundo mapa mundi possui tema específico para se trabalhar as coordenadas geográficas, sendo possível elaborar jogos para melhor compreensão desse contúdo e, por fim, o terceiro mapa mundi trata-se de um mapa mudo onde é possível trabalhar vários temas de acordo com o conteúdo selecionado. Este é um mapa que pode ser aberto em um editor de imagem (como o Paint do Windows) para preencher cada país com a cor que desejar. Caso você te

Proposta estabelece estratégia nacional para retorno às aulas

As diretrizes nacionais, definidas em acordo por todos os entes, servirão de referência para os protocolos de estados e municípios para o retorno às aulas. O Projeto de Lei 2949/20 estabelece uma estratégia nacional para retorno às aulas durante a pandemia de Covid-19. A proposta, do deputado Idilvan Alencar (PDT-CE), tramita na Câmara dos Deputados. Pelo texto, União, estados e municípios devem organizar colaborativamente o retorno às atividades escolares, interrompidas com o Decreto Legislativo 6/20 que reconheceu a calamidade pública por causa da pandemia. A estratégia será definida por princípios, diretrizes e protocolos, respeitadas as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das autoridades sanitárias brasileiras. As diretrizes nacionais, acordadas por todos os entes, servirão de referência para os protocolos de estados e municípios para o retorno às aulas. Elas deverão seguir princípios como atenção à saúde física e mental de profissionais de educação e estudantes; pr

Os cinco maiores países do mundo

Rússia, Canadá, China, Estados Unidos e Brasil são os cinco maiores países do mundo em extensão territorial. A semelhança fica somente no quesito tamanho do território, quando olhamos para alguns dados populacionais as diferenças podem ser bastantes significativas. Veja os dados populacionais de cada um desses gigantes territoriais. População da Rússia Densidade demográfica 8,8 hab/km² Homens 66.644.047 habitantes Mulheres 76.812.871 habitantes População residente em área rural 26,08 % População residente em área urbana 73,92 % População total 143.456.918 habitantes Taxa bruta de mortalidade 15 por mil Taxa bruta de natalidade 12 por mil Taxa média anual do crescimento da população 0,042 % População do Canadá Densidade demográfica 4 hab/km² Homens 17.826.268 habitantes Mulheres 18.113.659 habitantes População residente em área rural 18,35 % População residente em área urbana 81,65 % População total 35.939.927 habitantes Taxa bruta de mortalidade 8 por mil Taxa